Mulher confessa que matou amiga grávida para ficar com o bebê


Por Reportagem Publicado 29/08/2020

Ela havia perdido uma criança em sua gestação e não contou pra família

A cidade de Canelinha, próximo do litoral de Santa Catarina, está em choque. Uma mulher grávida foi levada por um casal de amigos dela até uma olaria e acabou morta com golpes de tijolo, e ainda teve o ventre aberto com um estilete. Flávia Godinho Mafra estava desaparecida desde a tarde desta quinta-feira, 27, e foi encontrada no dia posterior.

Local do crime

A apuração da Polícia Civil foi rápida. O casal assassino retirou a criança para ficar com ela, porque a mulher havia perdido seu bebê durante a gestação e não havia contado para a família. Queria a criança da amiga para criar como se fosse sua.

Segundo o Delegado Paulo Alexandre Freyesleben e Silva, responsável pelo caso, a mulher admitiu ter dado carona para a vítima para o local, mentindo sobre a realização de um chá de bebê. Os assassinos estão presos. A bebê foi medicada com antibióticos e remédios para dor, devido as lesões causadas pelo estilete, mas passa bem.

Município de Canelinha

Conhecida como Cidade das Cerâmicas devido ao grande número de olarias, indústrias que movimentam boa parte da economia do município, Canelinha tem 12 mil habitantes. Fica situada próximo a Brusque, e não distante de Bombinhas, paraíso do litoral catarinense.

Município de Canelinha

Acompanhe mais informações pelo site do Agora no Vale ou pelo Facebook e Instagram.